domingo, 6 de maio de 2007

Nunca esquecerei este filme ...


Dersu Uzala
Akira Kurosawa
interpretado por Maksim Munzuki
_______________________
Uma grande lição de vida ...
_____________________
Uma história de sobrevivência que nos mostra que aquilo que julgamos saber e nos confere supremacia, se pode tornar completamente inútil num meio onde desconhecemos o essencial para sobreviver. A relatividade do conhecimento, os sistemas de valores, os códigos de comunicação ... o limite, onde SER HUMANO é interajuda e confiança mútua. Onde SER HUMANO é o essencial - onde SER HUMANO é tudo aquilo que esquecemos ... e que, no limite, se revela primordial.
__________________
Um filme inesquecível ... que vi um dia, por acaso, no escuro de umas das salas do mítico "Quarteto", situado na Rua Flores do Lima, junto à Avenida dos Estados Unidos da América, onde várias vezes me refugiava quando, ainda estudante de Sociologia no ISCTE, fazia gazeta a certas aulas menos . . . enfim , não me arrependo. Vi filmes tão bons ! Que saudades do QUARTETO e das suas quatro salas de belíssimo cinema.

Seguidores

Povo que canta não pode morrer...

Beirute.Nantes

Loading...

Arquivo do blogue

Pesquisar neste blogue

Acerca de mim

A minha foto

"A coisa mais fina do mundo é o sentimento. " (Ensinamento) Adélia Prado