sexta-feira, 4 de abril de 2008

Coisas do silêncio

Fotografia http://www.duartebelo.com/























Passeou pelos espelhos dos dias
suas clandestinas alegrias
que mal se reflectiram desertaram


Ruy Belo, " Remate para qualquer poema "

orla maritima e outros poemas
[publicações assirio & alvim para a fnac - dia mundial da poesia]

______________________________________________
_________________________________________________
________________________________________________

Seguidores

Povo que canta não pode morrer...

Beirute.Nantes

Loading...

Arquivo do blogue

Pesquisar neste blogue

Acerca de mim

A minha foto

"A coisa mais fina do mundo é o sentimento. " (Ensinamento) Adélia Prado